ANÁLISE DE AVALIAÇÕES ESCRITAS DE QUÍMICA NA EJA: UM ESTUDO DE CASO

Galdino, Maria Aparecida Idalina da Silva

Resumo

Este trabalho tem como foco analisar no processo de Ensino Aprendizagem as provas escritas da disciplina de Química dentro da modalidade da Educação de Jovens e Adultos – EJA dos três ciclos noturnos, em uma escola estadual nesse município com objetivo de investigar esse instrumento e identificar as estratégias nele existentes. Assim, foi possível avaliar 9 provas escritas com um total de 56 questões a partir de duas perspectivas: a Taxonomia de Bloom, que engloba ferramentas pedagógicas que auxiliam na formulação de questões previamente direcionadas a um objetivo com grau de complexidades mentais; e com as teorias pedagógicas atuais recomendadas aqui levantadas. De posse das duas análises foi feita uma comparação entre ambas. Porém, a pesquisa mostra que, apesar do professor abordar práticas e experimentos durante a aula, no momento da avaliação a maioria das questões faz parte do método tradicional de perguntas e respostas já ultrapassado, não se encaixando na taxonomia de bloom nem nas pedagogias atuais. Os educandos da EJA necessitam de métodos didáticos que impliquem em facilitar o processo de ensino aprendizagem, principalmente nas disciplinas de exatas, como é o caso da Química. E o professor precisa se apoderar mais dos métodos pedagógicos junto com toda comunidade escolar no caminho da construção do conhecimento mais significativo. Pois, só assim poderá contextualizar, interdisciplinalizar, dialogar e propor ideias para transformação dessa realidade.

Citação

Artigo Completo

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.