Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorSouza, Juliany Alves de-
dc.date.accessioned2022-11-23T19:48:09Z-
dc.date.available2022-11-23T19:48:09Z-
dc.date.issued2021-05-21-
dc.identifier.urihttp://repositorio.ifpb.edu.br/jspui/handle/177683/2600-
dc.description.abstractO transplante de tecido ovariano (TTO) é uma biotécnica utilizada com sucesso para a preservação da fertilidade em humanos. Contudo, os atuais protocolos realizados precisam ser aprimorados. Devido restrições éticas em experimentação com material biológico humano, modelos animais são alternativas comparativas eficientes. Assim, visando a otimização desta biotécnica, diversos fatores vêm sendo testados, como o fator de crescimento endotelial vascular (VEGF). Este trabalho objetivou avaliar a eficiência da exposição prévia ao VEGF sobre o tecido ovariano bovino seguido de autotransplante subcutâneo por sete dias. Foram utilizadas três vacas, estas foram biopsiadas para a coleta de fragmentos ovarianos (n = 18), estes foram distribuídos aleatoriamente nos seguintes grupos: (1) Controle fresco (n = 6), fragmentos imediatamente fixados; (2) Transplante/VEGF+ (n = 6) e (3) Transplante/VEGF- (n = 6). Foram avaliados os seguintes pontos: fluxo sanguíneo na região do transplante por ultrassonografia Doppler, aspectos macroscópicos dos transplantes, número e morfologia dos folículos pré-antrais inclusos no tecido autotransplantado e os diferentes estádios de desenvolvimento folicular. Não foi observado diferença (P > 0,05) na avaliação da perfusão sanguínea entre tratamentos transplantados; na avaliação macroscópica; quanto a média de folículos em desenvolvimento; e quanto ao percentual de folículos normais quando comparando o grupo controle com o os grupos tratamento. No entanto houve uma diferença (P < 0,05) quando comparado a percentagem de folículos normais entre os grupos transplantados, onde o grupo VEGF – foi significativamente superior. Como conclusão, os resultados preliminares demonstraram resultados similares para a sobrevivência do tecido transplantado após exposição ou não com VEGF.pt_BR
dc.language.isoptpt_BR
dc.subjectAngiogênesept_BR
dc.subjectFatores de crescimentopt_BR
dc.subjectFolículos pré-antraispt_BR
dc.subjectHipóxiapt_BR
dc.titleAvaliação de tecido ovariano bovino exposto ao fator de crescimentoendotelial vascular (VEGF) seguido de autotransplante subcutâneo: resultados preliminarespt_BR
dc.typebachelorThesispt_BR
ifpb.abnt.categoryTCCpt_BR
ifpb.abnt.grantorIFPBpt_BR
Appears in Collections:Medicina Veterinária

Files in This Item:
File SizeFormat 
TCC JULIANY ALVES DE SOUZA.pdf897,96 kBAdobe PDFView/Open